Werther Santana/ Estadão
Werther Santana/ Estadão

Tempo seco em São Paulo continua nesta semana; veja cuidados com a saúde

Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE) alerta que baixa umidade e grandes amplitudes térmicas favorecem problemas de saúde, principalmente em idosos e crianças

O Estado de S.Paulo

16 Julho 2018 | 11h55

O tempo seco que atinge a capital paulista deve continuar nesta semana e não há previsão de chuva. Previsão do Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE) prevê que os baixos índices de umidade dos últimos dias continuam, com qualidade do ar prejudicada e potencial para queimadas.

De acordo com o CGE, uma massa de ar seco seguirá atuando na região centro-sul do Brasil. Os dias serão ensolarados, com baixos índices de umidade do ar durante as tardes e grande amplitude térmica. 

O CGE alerta que persistem os problemas relacionados à saúde, principalmente com crianças e idosos. Há ainda possibilidade de formação de queimadas e incêndios florestais, o que pode prejudicar ainda mais a qualidade do ar. 

+ Incêndio atinge Pico do Jaraguá

+ São Paulo teve temperatura acima da média e pouca chuva em junho

Em São Paulo, esta semana será diferente da anterior, quando a capital teve a madrugada mais fria do ano. Nos próximos dias, as temperaturas baixas serão na madrugada e terão rápida elevação no decorrer do dia, com predomínio de sol e poucas nuvens. 

+ Baixa umidade do ar em SP reforça a importância de cuidados com a saúde

Nesta segunda-feira, 16, as mínimas oscilam em torno dos 13º C e máximas podem chegar aos 29º C. Já na terça-feira, 17, a mínima permanece na faixa de 13º C, com máxima que pode chegar a 28ºC. 

+ Frio chega ao auge em SP e zoológico dá até cobertor para animais

Já a quarta-feira será marcada mais uma vez pelo predomínio de sol entre poucas nuvens e sem expectativa de chuva. A previsão de temperatura mínima será de 14°C e a máxima, de 28°C. Os percentuais de umidade do ar seguirão baixos, variando entre 30% e 80%.

COMO SE PREVENIR

- Não faça exercícios físicos em grandes avenidas

- Tome bastante líquido

- Evite ir a parques entre as 10h e 17h quando a umidade do ar estiver baixa

- Deixe um recipiente com água ou uma toalha molhada no quarto antes de dormir

- Não use o umidificador elétrico por muitas horas seguidas. O ambiente pode ficar muito úmido e causar mofo e bolor

- Lave as narinas com soro fisiológico e/ou faça inalações com o mesmo produto

- Mantenha os ambientes arejados e livres de tabaco e poeira

- Evite permanecer por muito tempo em lugares fechados em que haja grande concentração de pessoas, como shopping centers, cinemas e supermercados

- Se tiver cachorro ou gato, evite deixar seu animal dentro de casa. O pelo pode causar alergia

- Substitua cobertores por mantas de tecido sintético ou algodão

- O consumo de bebidas muito geladas deve ser eliminado ou, ao menos, evitado

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.