Tempo ruim provoca a morte de cinco pessoas no Paraná

Quatro morrem prensador por uma árvore; um homem é atingido por raio dentro de casa

Evandro Fadel, do Estado,

23 de julho de 2007 | 16h03

Chuvas acompanhadas de descargas elétricas e ventos fortes que se estenderam por várias regiões do Paraná entre domingo e esta segunda-feira, 23, provocaram a morte de pelo menos cinco pessoas.   Uma morreu na tarde de domingo, no distrito de Guará, em Guarapuava, a cerca de 260 quilômetros de Curitiba, na região central do Estado, vitimada por um raio. Outras quatro morreram à noite, em Ponta Grossa, a cerca de 120 quilômetros de Curitiba, quando uma árvore caiu sobre o carro em que estavam.   De acordo com o Corpo de Bombeiros de Guarapuava, Eva Gonçalves Damião Pinto, de 42 anos, foi atingida pelo raio, por volta das 16h30, quando estava perto de um fogão a lenha. Provavelmente, a descarga elétrica foi atraída pela chaminé da casa.   Ela chegou a ser levada para o hospital, mas não resistiu. O marido dela, Ardelino Pinto, de 45 anos, estava na casa, mas não sofreu nada. A filha do casal, Tereza, de 18 anos, teve queimaduras leves.   Por volta das 19 horas, um Corsa Classic, com placas de Curitiba, conduzido por Marco Aparecido Alves, de 35 anos, foi atingido por uma árvore quando trafegava pela BR-376, quase chegando a Ponta Grossa. Além de Marco, morreram os outros três ocupantes do veículo: Nilce Cristina do Nascimento Alves, 34 anos, Flávia do Nascimento Alves, 17 anos, e Reinaldo Alves Neto, de 5 anos.   A Polícia Técnica esteve no local para fazer um levantamento e precisar a causa da queda da árvore, que pode ser o vento forte ou um raio.   As ventanias também provocaram destelhamento em algumas casas na região de Guarapuava e nos municípios de Colombo e Almirante Tamandaré, na região metropolitana de Curitiba. Mas ninguém precisou de abrigo público.

Mais conteúdo sobre:
TempoParanámortechuva

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.