Taxista é baleado durante sequestro relâmpago em São Paulo

Dupla armada rendeu motorista e conduziu veículo de Pinheiros, na zona oeste, a Osasco, na Grande SP; suspeitos foram detidos

Paulo Roberto Netto, O Estado de S.Paulo

27 Junho 2018 | 14h38

SÃO PAULO - Um taxista foi baleado durante uma tentativa de sequestro relâmpago na Grande São Paulo. O condutor foi surpreendido por dois homens armados em Pinheiros e foi obrigado a seguir com a dupla até Osasco, onde reagiu ao crime e terminou ferido. Os suspeitos foram detidos.

+ Polícia prende dois suspeitos de matar policial na Vila Medeiros

Segundo a Polícia Militar, o taxista foi abordado por um homem de 20 anos e um adolescente de 17 na Praça do Pôr do Sol, em Pinheiros, na noite dessa terça-feira, 26. A dupla obrigou o motorista a seguir viagem com eles até Osasco. 

Ao se aproximarem de um posto de gasolina, o taxista reagiu ao crime. O suspeito que conduzia o carro perdeu o controle e bateu em outro veículo que estava abastecendo no posto. Durante a ação, o adolescente disparou contra o taxista. 

+ Bandidos assaltam e fazem reféns em depósito na Baixada Fluminense

Um policial militar que estava no local percebeu a ação e deu voz de prisão à dupla. O adolescente confessou o crime e afirmou que atirou contra o taxista. Ele foi socorrido ao Hospital Regional de Osasco, onde permanece internado, mas seu estado de saúde não foi confirmado.

A dupla foi detida e encaminhada para o 10ª Delegacia de Polícia Civil (Osasco).

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.