Suzane pede indenização por motim e TJ nega

JUSTIÇA

, O Estado de S.Paulo

06 de outubro de 2010 | 00h00

O Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) negou pedido de indenização de Suzane von Richthofen. Ela queria R$ 190 mil por danos morais, decorrentes de abalo psicológico provocado por rebelião ocorrida na Penitenciária Feminina de Sant"Anna, em São Paulo, em agosto de 2004. Um segundo pedido de indenização aguarda julgamento no TJ. Nele, Suzane, condenada pela morte dos pais, pede R$ 760 mil por ter sido supostamente obrigada pela diretora geral de um presídio no interior de São Paulo a dar entrevista coletiva.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.