Suspeitos de espancar até a morte filha de 15 anos são presos em SP

Crime ocorreu na casa da família, na cidade de Cafelândia, após os pais descobrirem que a filha beijou um rapaz em uma praça da cidade

Priscila Trindade, Central de Notícias

24 de novembro de 2010 | 13h33

SÃO PAULO - Uma estudante de 15 anos morreu após ter sido agredida na noite desta terça-feira, em Cafelândia (SP). Os pais da vítima, um motorista, de 38 anos, e uma dona de casa, de 42, foram presos suspeitos de terem cometido o crime. A agressão ocorreu na casa da família, no centro do município, após os pais descobrirem que a filha beijou um rapaz em uma praça da cidade.

A jovem foi levada para a Santa Casa e depois transferida ao Hospital Estadual de Bauru. Ela morreu por volta das 5h45 de hoje. O pai da menina disse à polícia que encontrou um frasco de perfume e outro de xampu vazios ao lado da cama da filha. Ele desconfia que ela tenha ingerido o conteúdo deles. A Polícia Civil investiga o caso.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.