Suspeito é morto e PM é baleado em perseguição na zona leste de SP

Quatro homens ocupavam um Fiat Pálio e estariam prestes a roubar uma agência bancária

Ricardo Valota, do estadão.com.br,

24 de junho de 2011 | 04h02

SÃO PAULO - Um suspeito e um policial militar foram baleados, por volta das 2h30 desta madrugada de sexta-feira, 24, durante uma troca de tiros ocorrida na avenida José Pinheiro Borges (Radial Leste), próximo ao shopping Metrô Itaquera, na zona leste de São Paulo.

 

Policiais militares da Força Tática iniciaram uma perseguição a quatro suspeitos que ocupavam um Fiat Pálio azul e que eram escoltados por dois homens ocupando uma moto Yamaha XT 600. Já na Radial Leste, o bandido que estava ao volante do Fiat perdeu o controle do carro, que acabou batendo contra um muro.

 

Na troca de tiros, o soldado da PM Anderson Alves de Carvalho, de 33 anos, foi atingido no colete. Levado ao pronto-socorro do Hospital Santa Marcelina, o policial passa bem. Um dos criminosos, também baleado, foi encaminhado em estado grave para o pronto-socorro do Hospital Planalto, onde morreu. Os outros três ocupantes do Fiat e a dupla que estava na moto teriam fugido por uma viela.

 

Dentro do Fiat, os policiais encontraram duas sacolas. Numa delas havia uma banana de dinamite; na outra, um faixa com os dizeres: "Estamos em manutenção". Ao que tudo indica, segundo a PM, os criminosos deveriam estar a caminho de algum agência bancária e fixariam esse cartaz no vidro do hall de entrada do banco para despistar quem passasse em frente. O caso foi registrado no 65º Distrito Policial, de Artur Alvim.

 

Texto atualizado às 5h40.

Tudo o que sabemos sobre:
crime

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.