Suspeito de sequestro relâmpago é solto

O auxiliar de cozinha Raphael Guilherme dos Santos, de 21 anos, seria solto na noite de ontem no 77.º DP. Ele e outros oito jovens, cinco universitários, são suspeitos de participar de um grupo que cometeu 50 sequestros relâmpagos no Brooklin. Santos não foi reconhecido por um casal de vítimas. Emocionada, a mãe de Santos, Edicléa, disse que sempre acreditou na inocência do filho.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.