Suspeito de pedofilia é preso em Cotia após três anos foragido

Homem usava videogames para atrair crianças para sua casa e tinha pen drive com imagens de jovens nus

Daniela do Canto, do estadao.com.br,

15 de dezembro de 2009 | 07h32

Um homem de 35 anos foi preso suspeito de pedofilia em Cotia, na Grande São Paulo, na segunda-feira, 14. Depois de desaparecer por cerca de três anos, ele foi localizado por uma sobrinha no bairro de Caucaia do Alto, no limite da cidade com Vargem Grande Paulista. O suspeito teria abusado do filho dessa sobrinha, de 13 anos, pouco antes de desaparecer. Naquela época, eles eram vizinhos. Na casa do suspeito, os policiais encontraram um pen drive com imagens de crianças nuas.

 

O preso teria sido espancado por vizinhos que descobriram o suposto abuso, por isso resolveu fugir. Assim que descobriu o novo endereço do tio, a mãe da criança avisou a Guarda Civil de Cotia, que foi até o local. No momento da prisão, foram encontrados dois outros garotos, de 12 e 13 anos, irmãos, na casa do suspeito. Lá, os guardas localizaram videogames que o preso usava para atrair as crianças.

 

Os menores prestaram depoimento e devem passar por um exame de corpo de delito. O suspeito, que trabalharia em uma casa de repouso da cidade, foi encaminhado à Delegacia de Cotia, onde o caso foi registrado.

Tudo o que sabemos sobre:
pedofiliacrimeCotia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.