Suspeito de matar ex-mulher em pet shop é preso na zona sul de SP

Ao ver aproximação de policiais, homem teve atitude suspeita e, ao ser abordado, teria assumido assassinato

Priscila Trindade, Central de Notícias

14 de outubro de 2010 | 12h41

O homem suspeito de matar a ex-mulher esfaqueada em um pet shop em Moema, zona sul de São Paulo, foi preso por volta das 11 horas desta quinta-feira, 14. Segundo a Polícia Militar, o homem foi parado enquanto caminhava pela Rua Demóstenes, no Campo Belo, também na zona sul. Ao perceber a aproximação da viatura, que estava em patrulhamento de rotina, o homem apresentou atitude suspeita e foi abordado.

 

Após checar a documentação do homem, os policiais descobriram que ele era procurado. De acordo com a polícia, ele teria confessado que matou a ex-mulher. A vítima, de 38 anos, foi encontrada morta na última sexta-feira, no local onde trabalhava. Ivete de Farias Tenório foi esfaqueada no pescoço, no baço, no abdômen e nas costas. Ela chegou a ser socorrida no Hospital São Paulo, onde morreu.

 

O preso foi levado para o 27º Distrito Policial, em Campo Belo.

Tudo o que sabemos sobre:
crimeassassinatopet shopex-marido

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.