Subprefeitura lacra dois prostíbulos na região de Pinheiros

Um deles ainda estava em funcionamento e foi multado em R$ 2.230; estabelecimento já tinha recebido 2 multas

Ricardo Valota, do estadão.com.br,

09 de julho de 2008 | 04h56

Dois prostíbulos foram lacrados na terça-feira, 8, em Pinheiros, zona oeste da capital paulista. Um deles ainda estava em funcionamento. Na tarde de terça-feira, a Subprefeitura de Pinheiros, com o auxílio de guardas municipais, interditou um prostíbulo que funcionava na Rua Mourato Coelho. O local não tinha licença para funcionar e foi multado em R$ 2.230 e teve sua entrada bloqueada com um bloco de concreto de 500 quilos. Segundo os fiscais, o estabelecimento já havia sido multado por duas vezes, em dezembro e junho, num total de R$ 1.430. No último dia 3, a Subprefeitura foi informada pela Delegacia de Pinheiros (14ºDP) sobre a prática de prostituição no local. Outro prostíbulo, na Rua Fradique Coutinho, na mesma região, também foi visitado pelos fiscais, mas já havia atendido a uma intimação, encerrando suas atividades. O imóvel estava vazio e com uma placa de "aluga-se".

Tudo o que sabemos sobre:
Pinheirosprostíbulo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.