Márcio Fernandes/Estadão
Márcio Fernandes/Estadão

Stanford, um sonho de R$ 80 mil

Ferramenta online ajuda aluno a captar recursos

Carlos Lordelo - O Estado de S. Paulo ,

05 Maio 2013 | 22h21

O paulistano Lawrence Lin Murata, de 18 anos, passou na Universidade Stanford, mas ainda não tem dinheiro suficiente para pagar taxas acadêmicas e se manter na Califórnia durante os quatro anos do curso de Ciência da Computação. Ele já confirmou interesse na vaga e agora luta contra o tempo para conseguir levantar R$ 80 mil - as aulas começam no segundo semestre. Murata conta com o apoio da Fundação Estudar, que criou uma plataforma de crowdfunding (financiamento colaborativo) online para ajudar jovens talentos brasileiros a fazer a graduação nos EUA.

Depois do curso, Murata pretende voltar ao Brasil para trabalhar com empreendedorismo e filantropia. "Quero usar a tecnologia para realizar transformações sociais", afirma o estudante, que, por enquanto, cursa Engenharia de Computação na Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (Poli-USP).

Além de ser um excelente aluno (tirou 2.350 de 2.400 pontos possíveis no SAT, o "vestibular" americano), a trajetória escolar de Murata é recheada de atividades extracurriculares. Ele participou de competições científicas e organizou eventos no Colégio Bandeirantes, onde concluiu o ensino médio no ano passado e recebeu o prêmio de melhor estudante.

Para ajudar os colegas mais fracos, Murata até montou grupos de estudos. "Foi importante para aliviar a atmosfera individualista da competição do vestibular." Não à toa, o estudante também foi aprovado em outras instituições americanas de elite, como Dartmouth, Yale e a Universidade da Califórnia em Los Angeles.

"Nos EUA, o aluno recebe uma formação mais flexível que no Brasil. Tenho interesse em Economia, por exemplo, e posso conciliar disciplinas dessa área com as de Ciência da Computação."

Assim como Murata, outros 12 brasileiros passaram em escolas top e precisam de ajuda para estudar lá fora. Para apoiá-los, basta acessar o site prep.estudarfora.org.br e fazer uma doação de qualquer valor. Para cada R$ 1 arrecadado, o Banco BTG Pactual vai doar R$ 0,50 adicionais. E para cada mil "curtidas" que a página do aluno receber no Facebook, ele ganhará outros R$ 200.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.