São Paulo registra temperatura recorde no inverno

São Paulo registra temperatura recorde no inverno

Nesse sábado, termômetros marcaram 35,5 graus na capital; tempo deve continuar quente e seco nesta semana, diz Inmet

O Estado de S. Paulo

20 de setembro de 2015 | 16h01

SÃO PAULO - A capital paulista registrou recorde histórico de temperatura para os meses de inverno nesse sábado, 19. Os termômetros em São Paulo chegaram a marcar 35,5 graus, segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). A marcação é a maior para esta época do ano desde o início das medições no Mirante de Santana, em 1943.  

Neste domingo, 20, a temperatura máxima registrada até 16 horas foi de 33,2 graus. Apesar do aumento da quantidade de chuvas, não há previsão de chuvas. No fim da tarde, a entrada da brise marítima ameniza o calor e aumenta gradativamente a umidade do ar, a partir das regiões sul e leste da cidade, segundo o Centro de Monitoramento de Emergências (CGE). 

Por causa da umidade relativa do ar baixa na zona norte, no centro e na Subprefeitura da Lapa, em torno de 26%, o CGE decretou estado de atenção nesses locais. Em Perus, na região norte, estações meteorológicas do órgão chegaram a registrar um pico de 34 graus. 

Previsão. A massa de ar quente e pouco úmida continuará sobre todo o Estado de São Paulo durante esta semana. Os dias devem ser claros, com névoa seca e pouco vento. De acordo com o Inmet, a temperatura máxima prevista é de 36 graus, na quinta-feira, 24. 


Tudo o que sabemos sobre:
tempo secoinvernosão paulo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.