Evelson de Freitas/AE
Evelson de Freitas/AE

SP registra o dia mais quente do inverno com 33,9ºC

Medição foi feita na estação do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), no Mirante de Santana, na zona norte da capital

Priscila Trindade - estadão.com.br,

17 de setembro de 2012 | 18h38

SÃO PAULO - A cidade de São Paulo registrou nesta segunda-feira, 17, um novo recorde de calor durante o inverno. Por volta das 15 horas, a estação automática do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) registrou 33,9ºC no Mirante de Santana, na zona norte da capital. Até o momento, o maior valor observado havia sido 33,3ºC, alcançado no domingo, 9.

Devido ao calor, a umidade relativa do ar entrou em declínio - em torno dos 25% - e a Defesa civil municipal decretou estado de atenção a partir das 11h40.

Previsão. Na terça-feira, 18, o tempo permanece seco com predomínio de sol. As mínimas oscilam em torno dos 18ºC e as máximas podem superar os 33ºC. A quarta-feira, 19, começa com sol e calor na capital paulista. Os termômetros devem variar entre mínimas de 19ºC e máximas de 31ºC.

Segundo o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE), no decorrer da tarde, a aproximação de uma frente fria aumenta a nebulosidade e provoca pancadas de chuvas isoladas.

Até o final da semana, devem ocorrer chuvas mais significativas. Com isso, as temperaturas também entram em declínio, amenizando a onda de calor dos últimos dias.

Mais conteúdo sobre:
calorInmetCGE

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.