SP registra 7ª morte causada pela chuva de terça-feira

Corpo de homem de 45 anos foi achado em córrego de Cajamar, a 300 metros do local do desaparecimento

Priscila Trindade, da Central de Notícias,

09 de dezembro de 2009 | 15h06

Um homem de 45 anos, morador de Cajamar, na Grande São Paulo, é a sétima vítima das fortes chuvas que atingiram a grande São Paulo nesta terça-feira,8. Antonio Carlos Vasquez estava desaparecido desde a manhã de terça, após ter sido arrastado pela correnteza de um córrego no bairro da Vila União. O corpo foi encontrado por volta das 10h30 de hoje, cerca de 300 metros do local onde ele desapareceu.

 

Veja também:

linkChuva de ontem foi a maior em pelo menos 10 anos, diz CGE

linkKassab deixou de investir R$ 353 mi contra enchentes

especialEspecial: as principais enchentes dos últimos dez anos

especialMapa multimídia localiza pontos alagados na cidade

mais imagens São Paulo vira Veneza, a cidade submersa

 

Segundo a Defesa Civil, Vasquez caiu dentro do córrego depois de ultrapassar a barreira de segurança. As chuvas alagaram trechos dos bairros Gato Preto, Vila União, Vila Mariote, Santa Terezinha e Parque Paraíso.

 

Ontem, quatro irmãos morreram após a casa em que estavam ser atingida por um deslizamento de terra causado pelo mau tempo, no bairro conhecido com 120, em Santana de Parnaíba.

 

Em Itaquaquecetuba, uma mulher de 57 anos morreu soterrada após um deslizamento de terra, no bairro Monte Belo. Um catador de papelão morreu soterrado em um deslizamento de terra seguido de desmoronamento na Favela Jardim Elba, na região do Sapopemba, zona leste de São Paulo.

Tudo o que sabemos sobre:
SPchuvas

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.