SP indenizará servidora por colocar nome em site

JUSTIÇA

, O Estado de S.Paulo

01 de setembro de 2010 | 00h00

A Prefeitura de São Paulo foi condenada ontem pela Justiça a indenizar por danos morais uma funcionária que teve o valor de seu salário publicado, no ano passado, no Portal da Transparência. A indenização foi fixada em dez salários mínimos. Há possibilidade de recorrer da decisão. A Prefeitura alegava que a publicação dos vencimentos tinha como objetivo obedecer à Constituição e respeitar os princípios da publicidade e da transparência. O juiz Luiz Sérgio Fernandes não concordou com a sentença.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.