SP entra em estado de atenção por conta da baixa umidade do ar

Exercícios físicos ao ar livre devem ser evitados entre 11 e 15 horas

estadão.com.br,

29 de fevereiro de 2012 | 13h24

SÃO PAULO -  A Defesa Civil municipal de São Paulo decretou no começo da tarde desta quarta-feira, 29, estado de atenção por conta do baixo índice de umidade relativa do ar na cidade. A umidade relativa do ar estava abaixo de 30 %, segundo o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE), órgão da Prefeitura responsável pela previsão meteorológica.

 

Nos meses em que ocorrem poucas chuvas, é comum que a umidade do ar fique reduzida, o que causa um aumento nos níveis de dióxido de enxofre e material particulado, devido às piores condições de dispersão. Isso propicia o surgimento ou agravamento de doenças respiratórias, cardiovasculares e oculares.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.