Felipe Rau/Estadão
Felipe Rau/Estadão

SP deve anunciar novas regras para quarentena e retomada da economia

Discussão sobre flexibilização ocorre em meio ao avanço da doença pelo Estado

Redação, O Estado de S.Paulo

26 de maio de 2020 | 11h52

O governo de São Paulo deve anunciar nesta quarta-feira, 27, novas regras para a quarentena no Estado, bem como um plano de retomada das atividades para ser aplicado a partir de 1° de junho. A informação foi divulgada pela GloboNews. 

O Estado, líder em casos e mortes pela covid-19 no País, tinha até esta segunda-feira 6.220 óbitos e 83.625 casos confirmados da doença. No domingo, a taxa de isolamento social foi de 55% no Estado e 57% na capital paulista. 

Nesta segunda, também em entrevista à GloboNews, o governador João Doria (PSDB) afirmou que a quarentena em vigor em São Paulo será prorrogada a partir do dia 31 de maio, mas o novo modelo adotará regras diferentes para o litoral, para capital e região metropolitana de São Paulo, e para o interior do Estado. Chamada de "quarentena inteligente", a nova ação será anunciada nesta quarta-feira, 27.

"A nova quarentena será inteligente. Ela vai levar em conta toda a regionalização do Estado de São Paulo, o interior, a capital, a região metropolitana, o litoral de São Paulo. A decisão não será homogênea", afirmou. "Até agora, ela foi homogênea. Até esta quarentena que se encerra no dia 31 de maio. Foi homogênea porque precisava ser."

Doria, à Globonews, descartou a adoção de lockdown. Como já disse em entrevista ao Estadão, o protocolo para implementação da norma existe, mas que por ora não há recomendação da equipe técnica para adotá-lo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.