Software permitirá visita virtual à Cidade de Pedra

A partir de setembro, não será necessário ir até Rondonópolis (MT), para conferir as impressionantes pinturas rupestres da Cidade de Pedra, um conjunto de sítios arqueológicos cujos resquícios de ocupação humana remontam a 10 mil anos. Batizado de Cidade de Pedra Explorer, um software interativo vai proporcionar que cientistas visitem virtualmente o local.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.