Sobe para 900 total de famílias afetadas por chuvas em Atibaia

Represas transbordaram e elevaram nível de rio; regiões de 9 cidades no interior de SP podem ser atingidas

Solange Spigliatti, Central de Notícias

27 Janeiro 2010 | 14h07

 

 

SÃO PAULO - Subiu para 900 o número de famílias afetadas pelos alagamentos em Atibaia, no interior de São Paulo, segundo informações da Defesa Civil municipal desta quarta-feira, 27.

 

Veja também:

linkSobe para 64 o número de vítimas das chuvas em SP

linkDeslizamento atinge casas na região metropolitana de SP

linkSobe para 27 as cidades em situação de emergência em SP

linkRepresas do Sistema Cantareira transbordam e ameaçam 12 cidades

 

De acordo com o órgão, o excesso de chuvas e o transbordamento das represas Atibainha e Jaguari, do Sistema Cantareira, ajudaram a elevar o nível do Rio Atibaia, de ontem para hoje, provocando os alagamentos. Ainda de acordo com a Defesa Civil, são 150 famílias desalojadas e 66 famílias desabrigadas, em 15 bairros que foram atingidos.

 

As chuvas fortes das últimas semanas, segundo a Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp), elevaram a quantidade de água armazenada em várias represas de São Paulo, especialmente as do sistema Cantareira.

  

 

A quantidade de chuva ocorrida em dezembro de 2009 e nos primeiros dias de janeiro é excepcional e, em um dos casos (represa Jaguari) é a maior ocorrida nos últimos 70 anos. O caso mais significativo é o das represas Atibainha e Cachoeira que, na manhã de ontem recebiam 70 m por segundo de água dos rios que as formam e retinham cerca de 75% desse volume de água, deixando passar apenas 18 m por segundo para o Rio Atibaia.

Mais conteúdo sobre:
Atibaia SP chuvas

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.