JB Neto/AE
JB Neto/AE

Sobe para 42 o número de feridos em choque entre trens da CPTM

Por volta das 13h40, duas composições bateram na estação Palmeiras/Barra Funda, no sentido Luz

Marcela Gonsalves, estadão.com.br

12 Julho 2011 | 18h36

SÃO PAULO - Subiu para 42 o número de pessoas feridas no acidente envolvendo dois trens na estação Palmeiras/Barra Funda da Companhia de Trens Metropolitanos (CPTM). As vítimas foram encaminhadas para hospitais da região pelas viaturas do Samu, Corpo de Bombeiros e da própria CPTM.

 

Do total de vítimas, 25 já haviam sido liberadas até as 20h e as demais passavam por atendimento médico. Segundo a companhia, nenhuma está em estado grave.

 

Por volta das 13h40, duas composições bateram na estação Palmeiras/Barra Funda, no sentido Luz. De acordo com a empresa, um trem foi de encontro ao outro que estava parado à frente, aguardando a sinalização para seguir viagem rumo à estação Luz.

 

No momento do acidente, alguns passageiros que estavam em pé perderam o equilíbrio e acabaram se ferindo. Oito viaturas dos bombeiros foram enviadas para o local.

 

Durante o trabalho da perícia técnica, a circulação de trens ocorreu alternadamente por uma única via. A empresa abriu sindicância para apurar as causas do acidente.

 

Texto atualizado às 20h30.

Mais conteúdo sobre:
CPTMtransporte público

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.