Só 4,7% têm rampa para cadeirantes

Apenas 4,7% dos domicílios urbanos brasileiros têm rampas para portadores de deficiência em suas quadras ou quarteirões. A proximidade de rampas foi constatada pelo Censo 2010 em 2,1 milhões de moradias, onde vivem 5,9 milhões de pessoas. No País, 13,2 milhões de pessoas têm dificuldade de locomoção.

O Estado de S.Paulo

26 de maio de 2012 | 03h03

Nenhuma cidade teve índice de 100% de moradias com rampas. A maior proporção é de Jaguaribara (CE), com 75,5% dos domicílios.

A presença das rampas foi um dos seis itens de circulação pesquisados. A iluminação tem a maior presença no entorno das casas e chega a 96,3% dos domicílios. Ruas pavimentadas abrangem 81,7% das casas. / L.N.L.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.