SMSs vão ajudar a achar crianças perdidas na praia

A partir de sábado, ONG do Guarujá receberá avisos por celular e Twitter, além de espalhar monitores e pontos de encontro

Camilla Haddad, O Estado de S.Paulo

29 Dezembro 2010 | 00h00

A partir de sábado, o Guarujá contará com uma inovação tecnológica para localizar crianças perdidas nas praias. A ONG Anjos do Verão usará celulares para receber SMSs e mensagens no Twitter avisando sobre os desaparecimentos. Além disso, o número de pontos de encontro foi ampliado - neste ano, todos os quiosques da Praia da Enseada terão monitor do projeto.

Desde 2006, a ONG diz ter recuperado 700 crianças no litoral sul. No verão de 2011, a meta do grupo é chegar a mil.

Como nos anos anteriores, haverá também uma tenda com uma bandeira suspensa a quase seis metros de altura e monitores continuarão a bater palmas e dizer as palavras de ordem "criança perdida" na faixa de areia toda vez que algum baixinho sumir. Com esse som e a mobilização das pessoas, é possível saber se há alguém perdido.

Parceria. O projeto é uma parceria da ONG com homens do 17.º Grupamento dos Bombeiros e da Associação dos Quiosqueiros. O capitão Ricardo Pelicioni explica que o trabalho dos Anjos do Verão será ainda mais importante em 2011, pois, com mais monitores, os salva-vidas poderão dar maior atenção aos banhistas, que é a função principal dos bombeiros. "Eles estão nos auxiliando com essa iniciativa", afirma o capitão.

Segundo o oficial, mais de cem crianças em média chegam a se perder durante uma temporada de verão. Para ele, o perigo maior está na Enseada. "A praia é bem maior que as outras. Quando se está numa praia pequena, com certeza a criança é encontrada logo", afirma.

O capitão alerta que, ao chegarem à praia para passar as férias, os pais devem tomar alguns cuidados. O primeiro é procurar um salva-vidas, que costuma ficar em uma cadeira à beira-mar, e pedir uma pulseira de identificação. "Nela, pode ser colocado o nome da criança e um telefone para contato", diz.

Segundo a ONG, o número que receberá torpedos avisando sobre crianças perdidas será divulgado no sábado. Já no Twitter o endereço é @anjosveraovivo.

Praia Grande. No carnaval 2011, será a vez de a Praia Grande receber os Anjos em dez pontos de encontro, em bairros como Cidade Ocean e Tupi.

PRESTE ATENÇÃO...

1. Evite deixar a criança brincando no mar sozinha, mesmo que ela esteja sob a visão dos responsáveis.

2. Coloque pulseiras de identificação na criança. Elas devem conter nome e telefone de contato.

Assim, fica mais fácil para os salva-vidas encontrarem os pais . Em algumas praias, os salva-vidas têm as Pulseirinhas.

3. Se a criança sumir, procure um posto dos bombeiros ou um quiosque de ponto de encontro.

4. Ao chegar à praia, mostre para a criança alguma referência, como um bar ou um quiosque.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.