Sítio do Picapau Amarelo vai ser municipalizado

Prefeitura de Taubaté - que já custeia parte das despesas - promete mais investimentos, sem [br]cobrança de ingressos

João Carlos de Faria, O Estado de S.Paulo

21 Fevereiro 2011 | 00h00

O Sítio do Picapau Amarelo, onde nasceu o escritor Monteiro Lobato, em Taubaté, a 130 km de São Paulo, será municipalizado neste ano. A transferência da gestão deve ocorrer tão logo a obra de revitalização - de R$ 1,7 milhão, liberados pelo Estado - seja encerrada. A medida foi aprovada pela Câmara Municipal na quarta-feira e deverá ser referendada no dia 23.

Atualmente a prefeitura já custeia despesas do sítio com manutenção e pessoal. Agora, quer ampliar atividades monitoradas, investir em programa de educação ambiental e fomentar o turismo. "Vamos dar uma cara de sítio, como já foi outrora, e promover maior interação com a população", promete o prefeito Roberto Pereira Peixoto (PMDB).

O vereador peemedebista Alexandre Vilela encaminhou à prefeitura, com aval de outros vereadores, proposta de cobrança de R$ 5 por ingresso. Pelo documento, moradores da cidade seriam cadastrados para não pagarem ingresso. Mas, um dia depois, o prefeito negou a informação. "Não é meu pensamento fazer isso. Não vamos cobrar."

O Sítio do Picapau Amarelo está em obras desde março. Foram reformados o telhado e as instalações elétricas e uma jaqueira centenária foi tratada.

Visitas. Cerca de 10 mil pessoas visitam mensalmente o Museu Histórico Pedagógico Monteiro Lobato, que funciona no sítio. Entre as atrações, há uma apresentação teatral com personagens de Monteiro Lobato. São os atores caracterizados que recebem os visitantes. As apresentações ocorrem principalmente aos sábados e domingos, das 9 às 17 horas. Há ainda exposição permanente sobre a vida e a obra do escritor, além de biblioteca com suas obras completas.

QUEM FOI

Monteiro Lobato

ESCRITOR E ADVOGADO

Nascido em 1882, Monteiro Lobato foi um dos maiores escritores brasileiros do século 20. Ficou mais famoso pela literatura infantil, imortalizada em obras como Reinações de Narizinho. Mas se destacou também por livros para adultos e pela participação na campanha "O Petróleo é Nosso".

Serviço

SÍTIO DO PICAPAU AMARELO. AV. CAMPINAS, S/Nº, TAUBATÉ. (12) 3625-5062. DE 3ª A DOMINGO, 9H ÀS 17H. GRÁTIS.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.