NILTON FUKUDA/ESTADÃO
NILTON FUKUDA/ESTADÃO

Show de luz dá vida a monumento na capital

Festival gratuito também vai passar pela Praça Victor Civita e pela Avenida Paulista

Júlia Marques, O Estado de S.Paulo

18 Agosto 2018 | 00h33

A capital paulista ficará mais iluminada nos próximos fins de semana. Começou nesta sexta-feira, 17, o Festival de Luzes de São Paulo, que terá intervenções artísticas em três pontos simbólicos do Município. As projeções tiveram início no Monumento às Bandeiras, do Parque do Ibirapuera, na zona sul. Depois, ocuparão a Praça Victor Civita, em Pinheiros, zona oeste, e, por fim, a Avenida Paulista, na região central. 

“Queremos renovar a forma como as pessoas enxergam os espaços”, resume o artista Alexis Anastasiou, da Visualfarm, produtora que assina a intervenção artística no Monumento às Bandeiras, conhecido como “empurra-empurra”. Um truque de luzes e som cria a sensação de que a obra está se movendo. As projeções no Ibirapuera começaram nesta sexta e voltarão a ocorrer nas noites de hoje e de amanhã, entre 19 horas e meia-noite. As atrações são gratuitas. 

Muita tecnologia foi aplicada no processo. Segundo Anastasiou, foi preciso fazer escaneamento 3D da escultura. “É feita a modelagem. Também imprimimos uma maquete do monumento, de 70 centímetros, para testar com projeções pequenas.” A técnica é semelhante à aplicada para criar um efeito de abraço do Cristo Redentor, no Rio, há oito anos. Mais de 50 pessoas se envolveram no projeto do Ibirapuera durante 50 dias.

Pela cidade

No próximo fim de semana, de sexta a domingo, será a vez de a Praça Victor Civita receber as intervenções. Nesse caso, as projeções vão dialogar com a natureza. Uma das instalações projetará imagens de rostos de ribeirinhos da Amazônia sobre as copas das árvores. 

“O verde ganha outra feição. E, ao mesmo tempo, as imagens da figura humana também. Você confunde partes do corpo com as da árvore, há uma mistura das anatomias”, conta a artista visual Roberta Carvalho, responsável por uma das atrações na praça. “É uma forma também de desviar o olhar para a natureza urbana que está presente e não observamos.” 

E para fechar o Festival de Luzes haverá uma videoinstalação na fachada do Shopping Center 3, na esquina da Avenida Paulista com a Rua Augusta. A concentração de pessoas na região, de diversos grupos, inspirou a obra. “Vamos misturar duas técnicas: ilustração com animação. É como um grafite virtual”, diz a videoartista Elka Andrello, que assina a obra com João Pirolla.

Serviço

Monumento às Bandeiras. Sábado, 18, e domingo, 19, das 19 horas à meia-noite. 

Praça Victor Civita. Dias 24, 25 e 26 de agosto, das 19h às 23 h. 

Avenida Paulista. Dias 1º e 2 de setembro, das 19h à meia-noite, na frente do Shopping Center 3.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.