Paulo Liebert/AE
Paulo Liebert/AE

Shopping JK Iguatemi planeja abrir na sexta

Estabelecimento irá funcionar com horário reduzido de 2ª a 6ª

Adriana Ferraz - O Estado de S. Paulo,

20 de junho de 2012 | 22h30

SÃO PAULO - A Prefeitura de São Paulo concedeu nesta quarta-feira, 20, o Habite-se ao Shopping JK Iguatemi, na Vila Olímpia, zona sul da capital. O documento atesta que o empreendimento está de acordo com a legislação e pronto para abrir. Dois meses depois da data marcada para a primeira inauguração, a expectativa é de que a abertura ocorra na tarde desta sexta-feira, com emissão do alvará de funcionamento, única licença pendente.

Em atendimento à recomendação da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), o shopping vai funcionar em horário reduzido de segunda a sexta-feira: das 10h30 às 22h. Aos sábados, abrirá como os outros, às 10h. Segundo a CET, a alteração ajudará a reduzir o impacto no trânsito.

Para o prefeito Gilberto Kassab (PSD), é mesmo de "bom tom" seguir a orientação pelo "bem da cidade". Nesta quarta, ele ressaltou a importância econômica do shopping, ao mesmo tempo em que elogiou a conduta da Prefeitura em relação à abertura.

Kassab mudou seu discurso no último mês, quando encontrou uma brecha na legislação para aumentar o prazo da conclusão das obras de contrapartida exigidas de empreendimentos considerados polos geradores de tráfego. Só com essa mudança é que a construtora WTorre, responsável pelo shopping, pôde adiar a entrega do viaduto que ligará a Avenida Presidente Juscelino Kubitschek às pistas centrais da Marginal do Pinheiros.

Antes, o prefeito e representantes da Secretaria Municipal dos Transportes afirmavam que só liberariam a abertura do JK Iguatemi quando todas as obras estivessem prontas. Agora, o restante das intervenções - além do viaduto, há uma ciclopassarela - servirá também como contrapartida para os outros três prédios em construção no complexo.

Preparativos. Avisados por e-mail sobre a previsão de abertura para sexta à tarde, os lojistas correm para fazer os últimos ajustes nas lojas e vitrines. O atraso na inauguração causou prejuízos - coleções já tiveram de ser trocadas. Entre as atrações para os clientes, estão serviços de carregadores de sacolas e receptivo bilíngue. Consumidores vips - que gastarem pelo menos R$ 5 mil por trimestre - ainda terão acesso a lounge exclusivo, com consultoria de moda. / Colaborou Juliana Deodoro.

Tudo o que sabemos sobre:
shopping JK

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.