Shopping Cidade Jardim é aberto ao público

"Luxo" foi a palavra usada pelos frequentadores para definir os 72 mil metros quadrados do empreendimento

Marcela Spinoza, Jornal da Tarde

31 de maio de 2008 | 17h44

Voltado para o público AAA, o Shopping Cidade Jardim, na Marginal do Pinheiros, Zona Sul, foi aberto ao público neste sábado. "Luxo" foi a palavra usada pelos freqüentadores para definir os 72 mil metros quadrados do empreendimento, que estreou com um elevador e uma escada rolante quebrados.  Apesar da grandiosidade e da beleza, alguns freqüentadores se sentiram intimidados a entrar em algumas das lojas de grifes internacionais do mais novo templo de consumo da Capital. "Achei bacana, mas não é para qualquer um", disse a engenheira Carla Sofia, de 47 anos. "Entrei em uma loja e a vendedora pensou: ‘essa aí não vai comprar nada’. Notei que elas intimidam as pessoas. Fiquei receosa de entrar na Daslu pelo jeito como as pessoas me olharam. O estrangeiro que vir aqui, virá de chinelo, bermuda e tem de ser bem tratado. Eu quero entrar nas lojas e ter o direito de ver todas as peças como uma possível cliente." O shopping de cinco andares, sendo um inteiro para a academia Reebok e outro para um spa, contará com 180 lojas das quais 120 foram abertas ontem. Entre elas estão seis grifes internacionais que estréiam lojas próprias no País, como a Rolex, a francesa Hermes, de acessórios e calçados, e a Sony.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.