Sertãozinho ganha Cristo Redentor

Estátua de 18 metros de altura, feita em aço e concreto, foi colocada sobre pedestal de 39 metros

José Maria Tomazela - O Estado de S. Paulo,

25 Abril 2013 | 16h17

SOROCABA - A cidade de Sertãozinho, no norte do Estado de São Paulo, a 356 km da capital, já conta com um Cristo Redentor que, com o pedestal, ficou maior que a famosa escultura do Rio de Janeiro. Um guindaste especial colocou a estátua de 18 m de altura, feita em aço e concreto, sobre o pedestal de 39 m, nesta quinta-feira, 24. Com altura total de 57 metros graças ao tamanho de sua base, o monumento está entre os dez maiores do mundo.

O Cristo carioca mede 38 metros, mas tem apenas 8 metros de pedestal. Com os braços abertos, o Cristo do interior paulista tem a face voltada para a igreja matriz da cidade, que tem 112.401 moradores. A escultura é dos artistas plásticos mineiros Marcos Moura e Genésio Moura. A obra, iniciada em 2008 e que já custou R$ 1,2 milhão, ainda será completada com o acabamento do mirante, que terá elevador. No interior paulista, o município de Lindoia tem o segundo maior Cristo - uma escultura com 12 metros, no topo de um morro com quase mil metros de altitude.

Mais conteúdo sobre:
CristoEstátuaSertãozinho

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.