Seqüestrador liberta ex-namorada em Marília

Jovem de 19 anos está foragido após libertar a menina de 14 anos na periferia da cidade

Sandro Villar, de O Estado de S. Paulo,

28 de outubro de 2008 | 16h29

Uma garota de 14 anos foi seqüestrada pelo ex-namorado no fim de semana em Marília, no interior paulista, e libertada na madrugada da segunda-feira, 27. Ao se ver acuado, Cleber dos Santos, de 19 anos, decidiu soltar a menina, que passou a ser procurada por familiares e amigos. Ela foi encontrada numa estrada na periferia da cidade. Desde o início do seqüestro os parentes e amigos se mobilizaram para localizá-la. O rapaz não aceitou o fim do relacionamento, e queria ter um último encontro com a ex-namorada. "Ele diz que ama a minha filha, mas que amor é esse?", perguntou Aparecida Vidêcia Miguel, mãe da adolescente. A mãe disse que estava aliviada com o desfecho, pois a filha escapou ilesa. Santos tem fama de violento e já causou problemas antes, segundo Aparecida. Desde que libertou a menor, Santos está foragido. Na manhã desta terça, a Polícia Militar fazia buscas na região para encontrar o jovem.

Tudo o que sabemos sobre:
SEQÜESTRO

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.