Sem 'habite-se', inauguração de shopping de luxo é adiada

Administradores do shopping reúnem-se com a prefeitura nesta quinta para resolver problemas de documentos

Paulo R. Zulino, estadao.com.br

27 de março de 2008 | 10h52

A abertura ao público do Bourbon Shopping Pompéia, que deveria ter sido inaugurado nesta quinta-feira, 27, às 10 horas, na zona oeste de São Paulo, foi adiada. As pessoas foram avisadas do adiamento através de panfletos distribuídos em frente ao empreendimento.     Opine - São Paulo é burocrática para abertura de negócios?   O comunicado diz: "Caros clientes, agradecemos sua presença, porém informamos que a inauguração do Bourbon Shopping Pompéia teve de ser adiada. Novas informações serão divulgadas através dos meios de comunicação, inclusive do site http://www.bourbonpompeia.com.br/. Aguardamos sua visita."   O novo centro de compras está situado na área onde funcionava o antigo Shopping Matarazzo, no cruzamento da Avenida Pompéia com a Avenida Francisco Matarazzo e a Rua Turiaçu. Os oito pavimentos do shopping contam com 210 lojas e 10 salas de cinema. A partir do próximo semestre, entrará em funcionamento um teatro, com capacidade para 1,5 mil pessoas.   A diretoria do shopping reúne-se nesta quinta-feira com a Subprefeitura da Lapa, para discutir questões relativas à documentação do estabelecimento. As informações dão conta que se o novo shopping abrisse suas portas nesta quinta estaria sujeito ao pagamento de uma multa de cerca de R$ 23 milhões.   A assessoria de imprensa da subprefeitura confirmou a falta do 'habite-se' por parte do empreendimento. Uma nova vistoria deve ser realizada nesta tarde no Bourbon Pompéia. Dependendo do resultado das negociações em relação à documentação e dessa inspeção, o novo shopping poderá vir a ser inaugurado no sábado, 29.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.