Seis estradas estão interditadas em SP

Seis estradas estão interditadas em SP

Erosões bloqueiam vias estaduais em Amparo, Itararé, São Pedro, Morro Agudo, Ouroeste e Bragança Paulista

Luiz Guilherme Gerbelli, O Estadao de S.Paulo

31 Março 2010 | 00h00

Os motoristas poderão encontrar dificuldades em rodovias paulistas neste feriado da Páscoa. Seis estradas estaduais estarão interditadas nos próximos dias em São Paulo.

Os viajantes não vão conseguir usar a Rodovia SP-107 (Prefeito Aziz Lian), em Amparo, na altura do km 14,5, por causa de uma erosão na cabeceira de uma ponte. Uma nova estrutura será construída, no local, até o início de maio.

A Rodovia SP-259, em Itararé, também não recebe veículos por causa de uma outra erosão. Os desvios são feitos pela SP-258 (Francisco Alves Negrão) e SP-267 (Salvador Rufino de Oliveira Netto).

Desvio urbano. A SP-373 (Dona Genoveva Lima de Carvalho Dias), no km 135, em Morro Agudo, está intransitável por problemas estruturais na Ponte do Rio Pardo. Há um desvio por dentro da cidade.

A SP-543 (Percy Waldir Semeguini) segue intransitável na altura do km 588, em Ouroeste, por causa do rompimento de uma tubulação. Os motoristas estão sendo orientados a usar um desvio na cidade. A liberação da pista deverá ocorrer em três meses.

Já a SP-95 (Benevenuto Moretto), em Bragança Paulista, está parcialmente interditada. A queda da Ponte do Rio Jaguari deixa o trânsito lento no local, pois a circulação foi reduzida para apenas uma faixa.

Segundo o Departamento de Estrada de Rodagem (DER), a SP-304 (Geraldo de Barros), no km 210,5, em São Pedro, está com problemas em função de um solapamento. As obras de melhorias serão concluídas somente em julho. Até lá, um desvio lateral foi aberto para receber os motoristas.

Rodovias federais. Entre as rodovias federais que cruzam São Paulo, a Fernão Dias, na altura do km 79, em São Paulo, sentido Belo Horizonte, estará parcialmente intransitável.

A rodovia enfrenta problemas há um mês por causa de um deslizamento de terra. As obras de reparo da pista serão finalizadas em agosto.

Policiamento. Para o feriado desta semana, a Polícia Rodoviária Estadual deverá contar com 4 mil agentes. Segundo o tenente Fernando de Souza, os motoristas devem evitar pegar as estradas amanhã entre 16 horas e meia-noite, na sexta-feira das 7 horas às 15 horas, e no domingo no período da noite.

"Vamos ter viaturas com bafômetros para realizar a Operação Direção Segura e flagrar os condutores que ingerirem bebidas alcoólicas antes de dirigir", disse Souza.

O tenente também aconselha os motoristas a programar antecipadamente a viagem, evitar paradas ao longo da rodovia, portar todos os documentos obrigatórios e verificar os itens de segurança do veículo.

O QUE ABRE E FECHA EM SÃO PAULO

Rodízio

Suspenso só na sexta-feira

Bancos

Abrem amanhã e fecham na sexta-feira

Correios

Amanhã, funcionamento normal. Nos outros dias, só agências que abrem nos feriados

Saúde

AMAs de especialidades e UBS fecham

Compras

Mercados abrem no sábado e funcionamento é facultativo nos outros dias. Sacolões abrem

Parques

Ficam abertos

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.