Secretário defende via rápida para PM bandido

O secretário da Segurança Pública, Antonio Ferreira Pinto, afirmou ontem que pretende mandar policiais militares corruptos para penitenciárias comuns e não para o Presídio Militar Romão Gomes. "Aquele que passa para o outro lado tem de ter a convicção de que, assim que for punido, vai para a vala comum do sistema prisional. Não pode ter o privilégio de ficar no presídio militar", disse o secretário, que pretende implantar na PM uma "via rápida" para acelerar o andamento das demissões de policiais corruptos.

O Estado de S.Paulo

25 Abril 2012 | 03h34

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.