Secretário anuncia Expresso Aeroporto e VLT até Congonhas

O secretário dos Transportes Metropolitanos, José Luiz Portella, anunciou nesta segunda-feira, 28, o Expresso Aeroporto até Cumbica, Guarulhos, e o Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) até Congonhas. A implantação se dará por meio de investimentos dos governos estadual e federal. A Prefeitura de São Paulo também deve participar do projeto.  O VLT, um metrô leve, ligará São Judas à Linha 9/Esmeralda, da CPTM, passando por Congonhas e cruzando a Linha 5/Lilás, do Metrô. O primeiro trecho, entre São Judas e Congonhas, está previsto para operação teste em 2010. A demanda estimada é de 15 mil passageiros hora sentido. O valor desse primeiro trecho será de R$ 200 milhões. O do projeto todo custará R$ 1,2 bilhão, incluindo a compra dos trens.  Outra novidade é a publicação do edital do Expresso Aeroporto, nas próximas semanas. O Expresso Aeroporto é um trem que vai fazer, em 22 minutos, a distância entre Luz e o Aeroporto de Cumbica, sem paradas. O Ministério da Defesa vai autorizar a concessão dos terminais da Infraero, que serão utilizados para o Expresso Aeroporto. Desta forma, será possível realizar o check-in na Estação Luz e já desembarcar dentro do terminal do aeroporto.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.