São Sebastião emite alerta para temporal

A Defesa Civil de São Sebastião, litoral norte de São Paulo, emitiu alerta aos moradores da região sul - atingida por um temporal no fim de semana que matou uma menina de 11 anos - sobre a possibilidade de mais chuva forte hoje.

REGINALDO PUPO , ESPECIAL PARA O ESTADO, SÃO SEBASTIÃO, O Estado de S.Paulo

27 de fevereiro de 2013 | 02h03

"Quem mora ao lado de rios, cachoeiras e encostas deve ficar atento. A orientação é sair de casa", disse o chefe da Defesa Civil, Carlos Eduardo dos Santos.

Ainda de acordo coma Defesa Civil, já choveu 99,3 mm em Boiçucanga e 123,9 mm em Maresias, o que representa 77% das chuvas esperadas para todo o mês de fevereiro em apenas quatro horas.

Cubatão. O temporal que voltou a atingir Cubatão, no litoral sul paulista, na noite de segunda-feira, matou uma mulher na frente de um supermercado. A fachada de concreto do estabelecimento caiu e atingiu Aline Domingues de Barros Ribeiro, de 27 anos, que tinha acabado de fazer compras e tentava se proteger da chuva sob a marquise.

A cidade já havia sido atingida por um temporal na sexta-feira, que afetou também o calendário escolar. Somente na segunda-feira as aulas nas 60 escolas municipais serão retomadas porque as edificações foram danificadas pela enxurrada de lama e pedras.

Na segunda-feira, a Procuradoria Municipal entrou com pedido de reintegração de posse dos 173 apartamentos invadidos por desabrigados pela chuva em um conjunto habitacional.

A prefeita Márcia Rosa (PT) disse que todos "terão de respeitar o cadastro da prefeitura, que dá prioridade à população dos bairros-cotas da Serra do Mar". / COLABOROU ZULEIDE DE BARROS, ESPECIAL PARA O ESTADO

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.