São Paulo tem ponto de alagamento; ao menos 24 árvores caíram

Cidade registrava, às 9h, 171 km de congestionamento, segundo maior índice do ano

estadão.com.br

05 de junho de 2012 | 09h55

São Paulo, 5 - A forte chuva que atingiu a capital paulista desde o começo da manhã desta terça-feira, 5, além de ajudar a aumentar o índice de congestionamento já provocou a formação de um ponto de alagamento transitável, segundo informações da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET). O trecho alagado estava na Marginal do Tietê, sentido Lapa, perto da Rua da Coroa, na zona norte da cidade, atrapalhando o trânsito no local.

Por causa da chuva, que ajuda a provocar acidentes, às 9h30, a cidade registrava o segundo maior congestionamento no ano para o período, com a marca de 171 quilômetros. A segunda maior marca de 2012 para o período foi registrada no dia 27 de abril, também às 9h30.

O temporal também causou a queda de 24 árvores, em divesas regiões da cidade, e deixou ao menos 51 semáforos com problemas em importantes vias de São Paulo, entre elas Avenidas Francisco Morato, Morumbi, Ipiranga, Jabaquara e Brigadeiro Faria Lima.

Acidente. Apenas uma faixa da pista expressa da Marginal do Tietê, sentido Penha, perto da Ponte da Casa Vede, ainda estava interditada às 9h45 devido a um acidente. Um caminhão transportando ferragens tombou, espalhando a carga na pista e interditando três faixas de rolamento. Uma pessoa ficou ferida.

Tudo o que sabemos sobre:
trânsito

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.