São Paulo ainda tem quase 100 semáforos quebrados por causa da chuva

Chuva desta sexta-feira prejudicou o fornecimento de energia e provocou recorde de congestionamento

O Estado de S.Paulo,

09 Março 2013 | 13h26

SÃO PAULO - A cidade de São Paulo amanheceu com 99 semáforos quebrados (entre apagados e ligados no amarelo piscante) e com 26 árvores caídas. Os problemas foram reflexo da tempestade que atingiu a capital no meio da tarde desta sexta-feira, 8, que causou o maior congestionamento do ano, com 265 quilômetros.

Por causa da queda das árvores, que levam junto ao chão a fiação elétrica, muitos bairros, como parte de Alto de Pinheiros, na zona oeste, ainda estavam sem energia até às 13h deste sábado, segundo a concessionária AES Eletropaulo. A empresa, no entanto, recusou-se a informar a dimensão dos problemas.

A chuva de quase duas horas na tarde desta sexta-feira também provocou pane em trens e metrô e chegou a fechar por 1h o Aeroporto de Congonhas, na zona sul da capital.

Segundo o meteorologista da Climatempo, André Madeira, a previsão é de mais chuva para hoje. Será um dia típico de verão, com sol e calor. A temperatura mínima esperada é de 19ºC e a máxima, de 31ºC. O meteorologista garante, porém, que a chuva de hoje será menos intensa.

Mais conteúdo sobre:
Chuva

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.