Sabesp dá início à medição individualizada do consumo de água

Cerca de 370 mil usuários vão receber hidrômetros individuais; leitura será de responsabilidade da Sabesp

Agência Estado,

16 Dezembro 2008 | 16h58

A Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp) deu início nesta terça-feira, 16, à medição individualizada, em que cada unidade residencial ou comercial receberá a conta com o valor do que consumiu. A companhia assinou contrato com o condomínio de um edifício da Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU), localizado em Francisco Morato, na Grande São Paulo. Segundo a Sabesp, cerca de 370 mil unidades nos municípios em que opera estão aptas a receber os hidrômetros individuais e a passar pelas demais modificações. A medição individualizada faz parte do programa Sabesp Soluções Ambientais e resulta de parceria com o Centro de Desenvolvimento e Documentação da Habitação e Infra-estrutura Urbana (Cediplac). A Sabesp será responsável pela leitura, pelo faturamento e pela emissão das contas, além da gestão das faturas e o corte do fornecimento de água dos clientes inadimplentes. As adequações e a manutenção interna do sistema são responsabilidade dos condomínios. Pelo programa ProAcqua, serão capacitados e certificados os profissionais para o serviço de medição individual.

Mais conteúdo sobre:
Sabesp

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.