Reprodução
Reprodução

Rota mata três jovens que estavam em carro roubado

Veículo foi perseguido na zona sul; segundo a polícia, grupo atirou e agentes revidaram

Alexandre Hisayasu, O Estado de S. Paulo

06 Fevereiro 2017 | 19h11

SÃO PAULO - Policiais das Rondas Ostensivas Tobias Aguiar (Rota), grupo de elite da Polícia Militar, mataram três jovens que estavam em um carro roubado, em Cidade Ademar, periferia da zona sul da capital. Segundo a PM, as mortes ocorreram depois de uma troca de tiros.

A polícia informou que os jovens estavam armados com duas pistolas calibre 380 e revólver 38 quando roubaram um carro de uma empregada doméstica, no começo da noite de domingo, 5. O veículo foi localizado na avenida Cupecê e não teria obedecido à ordem de parada.

Durante a perseguição, ainda segunda a polícia, os jovens atiraram e acabaram batendo o veículo contra um poste. A PM afirmou que os ladrões saíram do carro atirando contra os policiais da Rota, que revidaram. Nathan Costa Vieira Melo, Reinaldo Tadeu de Souza Lopes Barbosa, ambos de 18 anos, e um adolescente de 17 morreram no local. Quatro PMs que participaram do tiroteio não se feriram.

O caso será investigado pelo Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP). 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.