Rota mata 1 à tarde. De madrugada, houve 10 mortes

Um suspeito foi morto por policiais da Rota às 13h35 de ontem na Marginal do Pinheiros, sentido Interlagos, depois de ser perseguido. Segundo a Polícia Militar, ele resistiu à abordagem no Butantã, zona oeste, e na fuga trocou tiros com a Rota. O homem, que não teve a identidade revelada, era procurado por tráfico e formação de quadrilha.

O Estado de S.Paulo

04 de novembro de 2012 | 02h04

Já a madrugada de sábado foi violenta na capital e no ABC. Dez pessoas morreram baleadas e oito ficaram feridas. Apenas um caso teve um policial como alvo: na zona norte, um PM foi ferido em tentativa de roubo.

Em São Bernardo aconteceu o caso mais violento: três homens eram perseguidos pela polícia quando começaram a atirar, segundo os policiais. Os três morreram. / VALÉRIA FRANÇA e FELIPE TAU

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.