Werther Santana/Estadão
Werther Santana/Estadão

Romeira é atropelada na Dutra durante peregrinação a Aparecida

Esta foi a terceira vítima atingida por veículos na caminhada até o santuário nos últimos dois dias; fiel teve ferimentos leves

Felipe Cordeiro, O Estado de S.Paulo

11 de outubro de 2018 | 21h53

SÃO PAULO - Uma romeira que seguia a pé em direção ao Santuário de Nossa Senhora Aparecida, no Vale do Paraíba, foi atropelada nas margens da Rodovia Presidente Dutra, na altura da cidade de Roseira, na tarde desta quinta-feira, 11. Ela sofreu ferimentos leves. Esta foi a terceira vítima de atropelamento durante a peregrinação a Aparecida nos últimos dois dias.

Segundo a CCR NovaDutra, concessionária que administra a estrada, a mulher foi atingida depois de uma colisão traseira entre dois carros no km 76 da Dutra, no sentido do Rio de Janeiro.

A romeira é de Guarulhos e fazia parte de um grupo de oito pessoas que caminhava pelo acostamento da rodovia. Ela foi encaminhada para o Pronto-Socorro Municipal de Guaratinguetá.

Chovia no momento da ocorrência, o que, de acordo com a concessionária, pode ter contribuído para o acidente. A NovaDutra orienta que os peregrinos interrompam a caminhada quando chove ou anoitece.

O motorista de um dos veículos fugiu. O outro condutor parou para prestar socorro. O acidente não causou congestionamento na rodovia.

Atropelamentos

Além do caso desta quinta, dois romeiros foram atropelados por um automóvel na Dutra nesta quarta-feira, 10, em Taubaté. Um deles foi levado em estado grave ao Hospital Regional do Vale do Paraíba, e o outro teve ferimentos leves e acabou atendido no local. Dois ocupantes do veículo também ficaram feridos - sem gravidade.

As rodovias de acesso a Aparecida estão em alerta para o risco de acidentes com os peregrinos. 

“Não temos como proibir a manifestação na rodovia, mas trabalhamos para diminuir essas ocorrências e reafirmamos os perigos ao realizar essas romarias na rodovia”, disse Virgílio Leocádio, gestor de atendimento da NovaDutra.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.