Rolex adia reabertura de loja assaltada em shopping

Revendedor do Cidade Jardim deveria voltar a funcionar hoje; nenhum bandido foi preso

Priscila Trindade, da Central de Notícias

09 de junho de 2010 | 14h55

SÃO PAULO - A loja da Rolex assaltada na segunda-feira, 7, no Shopping Cidade Jardim, na zona sul de São Paulo, não será reaberta nesta quarta-feira, 9, conforme o previsto. Segundo a assessoria da loja, a decisão foi tomada durante uma reunião realizada hoje cedo. A nova data de abertura deve ser divulgada ainda hoje.

 

Veja também:

linkDuas viaturas da polícia vão reforçar patrulhamento no Cidade Jardim

linkTiffany podem ter sido roubada por engano, diz polícia

linkLojistas preveem queda de 20% no movimento

 

Cerca de dez assaltantes assaltaram o estabelecimento na segunda-feira. A ação durou cinco minutos. Nesse tempo, o grupo roubou relógios de oito mostruários - o mais barato está avaliado em R$ 12 mil. Uma funcionária da loja foi usada como escudo na hora da fuga. A Rolex ainda não divulgou o valor do prejuízo. Ninguém foi preso.

 

Ontem, após reunião com a administração do Shopping Cidade Jardim, a Polícia Militar decidiu reforçar o policiamento nos arredores do estabelecimento. Duas viaturas, que faziam patrulhamento próximo das pontes do Morumbi, foram deslocadas para o patrulhamento.

Tudo o que sabemos sobre:
RolexCidade Jardim

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.