Rolando Boldrin gosta de SP nos feriados

O apresentador e contador de "causos" Rolando Boldrin, de 75 anos, nasceu em São Joaquim da Barra, pequena cidade do interior a 400 km de São Paulo, mas se mudou para a capital ainda nos anos 1960.

O Estado de S.Paulo

21 de setembro de 2012 | 03h03

Após décadas aqui, porém, ele se refugiu na Granja Viana, condomínio residencial em Cotia. "Cansei da poluição e do barulho", afirma.

Mas seu carinho pela cidade não acabou. "O que mais gosto é visitar o centro em feriado prolongado", diz. "Vou passear na República, na Liberdade, almoçar. Gosto de curtir o centro vazio (como na foto abaixo, da Avenida 9 de Julho deserta)."

Ele também volta por causa do trabalho - amanhã, a partir das 11h, vai contar casos do seu novo livro, História de contar o Brasil, na Livraria Cultura (Avenida Paulista, 2.073). / RODRIGO BURGARELLI

Calmaria: apresentador prefere

explorar a região central sem

enfrentar congestionamentos

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.