PAULO GIANDALIA/AE
PAULO GIANDALIA/AE

Rodrigo Hilbert pede desculpas por infração no trânsito

Detran-SP havia 'puxado a orelha' do apresentador por dirigir e usar o celular

O Estado de S. Paulo

04 Setembro 2017 | 17h29

O apresentador Rodrigo Hilbert se desculpou, na tarde desta segunda-feira, 4, por ter cometido uma infração de trânsito. Mais cedo, por meio de suas redes sociais, o Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran-SP) havia dado uma "bronca" no apresentador depois que ele publicou um vídeo dirigindo e mexendo no celular. 

"Foi mal o post mais cedo. O dia está lindo e não resisti. Parabéns Detran SP pelo ótimo, necessário e bem humorado trabalho", disse Hilbert em nova publicação no Instagram. 

O Detran-SP divulgou o novo post em sua página e elogiou o apresentador: "as definições de homão da p**** foram atualizadas com sucesso", disse a página, que ainda pediu que Hilbert prometesse não mexer mais no celular enquanto dirige. 

Broncas. Não é a primeira vez que o Detran usa as redes sociais para dar um puxão de orelha em famosos. No início de agosto, o Detran-SP puxou a orelha do jogador Neymar após o jogador publicar no Instagram um vídeo em que aparece com amigos no banco de trás de um carro sem cinto de segurança. 

Em julho, a página questionou de forma bem-humorada a postura do cantor Luan Santana ao volante. O músico usava o celular para gravar um vídeo enquanto dirigia.

A mistura de celular e direção também rendeu uma bronca à apresentadora Angélica, que apareceu em no programa Estrelas, da TV Globo, dirigindo e conversando pelo smartphone. E o uso incorreto do cinto pela apresentadora Patricia Abravanel foi criticado pelo órgão no mês passado. 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.