Rodovias devem receber mais de 2,5 mi de veículos no feriado

Saída de SP será complicada entre 16 e 23 de horas de quarta e das 7 às 15 de quinta, dia da Consciência Negra

Elvis Pereira, estadao.com.br

18 de novembro de 2008 | 21h10

O feriado prolongado do Dia da Consciência Negra poderá levar mais de 2,5 milhões de veículos às estradas paulistas. A estimativa é da Secretaria de Transportes e das empresas responsáveis pelas vias. A previsão é que na saída o tráfego seja intenso principalmente entre 16 e 23 de horas de quarta-feira, 19, e das 7 às 15 horas de quinta, 20. E no retorno, do meio-dia às 23 horas de domingo, 23.   Veja também: O trânsito nas rodovias do DER  O trânsito nas rodovias da Dersa  O trânsito na Ayrton Senna, Carvalho Pinto e Dom Pedro I  O trânsito na Tamoios e Raposo Tavares  O trânsito na Anchieta e Imigrantes  O trânsito na Dutra  O trânsito na Anhangüera e Bandeirantes O trânsito na Castelo Branco e Raposo Tavares    A Anhangüera e a Bandeirantes, que dão acesso à região de Campinas, deverão receber 680 mil veículos, segundo a AutoBan. No domingo, 23, a circulação de caminhões na Bandeirantes, no sentido capital, será transferida para a Anhangüera, entre os km 48 e 23, de Jundiaí a São Paulo. A ViaOeste espera o fluxo de 500 mil veículos no Sistema Castelo-Raposo, que leva ao Oeste do Estado. No domingo, 23, caminhoneiros não poderão usar a Castelo Branco no sentido capital, das 14 às 23 horas.   A NovaDutra prevê que cerca de 188 mil veículos saíam de São Paulo pela Dutra e 84 mil, do Rio. De acordo com a concessionária, a ida de romeiros à Basílica de Aparecida deve contribuir para o aumento do fluxo na rodovia. No sábado, 22, 75 mil devem seguir para a cidade e no domingo, 23, 162 mil.   Na avaliação da Ecovias, entre 268 e 361 mil veículos deverão cruzar o Sistema Anchieta-Imigrantes rumo ao litoral. A Secretaria dos Transportes divulgou as seguintes estimativas: Ayrton Senna e Carvalho Pinto - 139.810 veículos; Dom Pedro I - 63.956; Tamoios - 61 mil; Mogi-Bertioga - 38 mil; Oswaldo Cruz - 23 mil; Rodovia Litorânea (SP-55) - 212 mil; Floriano Rodrigues Pinheiro - 24 mil; Raposo Tavares - 338 mil.   Travessias   As seis travessias litorâneas deverão ser utilizadas por mais de 219 veículos, segundo a Desenvolvimento Rodoviário S.A. (Dersa). A ligação Santos/Guarujá deverá concentrar o maior movimento: 180 mil. A balsa de São Sebastião/Ilhabela vem em seguida, com 26 mil. As demais previsões são: Guarujá/Bertioga - 7 mil; Iguape/Juréia - 2 mil; Cananéia/Ilha Comprida - 2,5 mil; e Cananéia/Continente, 1,5 mil.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.