Rodoviárias de SP devem receber 2,4 milhões de passageiros

Movimento nas rodoviárias do Tietê, Barra Funda e Jabaquara é intenso desde o dia 19 e continua até o dia 5

Agência Brasil,

29 Dezembro 2008 | 16h23

Cerca de 2,4 milhões pessoas devem passar pelos terminais do Tietê, Barra Funda e Jabaquara neste final de ano. Nas rodoviárias de São Paulo, o movimento de pessoas é intenso desde o dia 19, e deve permanecer assim pelo menos até o próximo dia 5. Segundo informações da empresa que administra os três terminais, a Socicam, só entre os dias 19 e 24 de dezembro, 560 mil pessoas deixaram o Estado por alguma das três rodoviárias.   Veja também: Confira o que abre e o que fecha na capital no réveillon  600 mil veículos descerão para o litoral   O trânsito nas rodovias do DER  O trânsito nas rodovias da Dersa                                      O trânsito na Anchieta e Imigrantes    Durante todo o período, 96 mil ônibus, incluindo os extras, partiram dos terminais principalmente para: Rio de Janeiro, Curitiba, Belo Horizonte, Florianópolis e capitais do Nordeste. Para o réveillon, além dessas cidades, também estão entre os destinos mais procurados o litoral norte de São Paulo e a cidade de Angra dos Reis, no Rio.   De acordo com a Socicam, algumas passagens para determinados destinos já estão esgotadas. A empresas recomenda, entretanto, que passageiros procurem as companhias diretamente para informar-se sobre os destinos e horários disponíveis.   Para quem já comprou passagem, a Socicam recomenda que os passageiros cheguem ao terminal uma hora antes do embarque; identifiquem as bagagens e não esqueçam de levar documentos pessoais, pois é proibido embarcar sem identificação.   Ainda segundo a Socicam, crianças com menos de 12 anos só podem viajar acompanhadas. Caso o acompanhante e a criança não tenham um parentesco comprovado nos documentos de identidade, é preciso que o responsável autorize, por escrito, a viagem, com assinatura reconhecida em cartório.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.