Rodoviária e indústrias estão nos planos da Prefeitura para a área

Pelo menos no papel, os planos da Prefeitura de São Paulo para Itaquera estão em sintonia com os anseios dos moradores da região. O termo de referência da Operação Urbana Rio Verde-Jacu, que tem o objetivo de reurbanizar e levar emprego às regiões de Itaquera e de São Miguel Paulista, indica a criação de um polo institucional ao lado do futuro estádio do Corinthians.

Diego Zanchetta, O Estado de S.Paulo

05 Setembro 2010 | 00h00

No espaço ocioso de mais de 300 mil metros quadrados na frente da estação do metrô, haverá uma Faculdade de Tecnologia de São Paulo (Fatec) e uma Escola Técnica Estadual (Etec), já em construção. Também são planejados um centro de eventos, a nova sede do Fórum de Itaquera e um câmpus da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), além de uma rodoviária.

Outra meta é levar indústrias a espaços subutilizados no entorno da Avenida Jacu-Pêssego, do ABC a Guarulhos. A criação de empregos pode mudar o perfil de bairro dormitório de Itaquera. "A nova rodoviária ao lado do estádio atenderá especificamente à população de Itaquera. Isso evitará que o usuário tenha de se deslocar até a zona norte, no Terminal do Tietê. Para viabilizar o acesso a essa rodoviária, haverá alças da Radial Leste para a Jacu-Pêssego", afirma Miguel Bucalem, secretário municipal de Desenvolvimento Urbano.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.