Régis Bittencourt continua congestionada

No Sistema Anchieta-Imigrantes, o fluxo era intenso, contudo não havia pontos de parada

Elvis Pereira, do estadao.com.br,

02 de fevereiro de 2008 | 18h12

O motorista ainda enfrentava tráfego pesado nas rodovias de São Paulo na tarde deste sábado, 2, feriado prolongado de carnaval. Por volta das 17 horas, a Régis Bittencourt registrava 6 km de congestionamento a partir do km 336, em Juquitiba, no interior do Estado, no sentido Paraná. Três horas atrás, o engarrafamento havia chegado a 15 km. O trecho está congestionado desde o começo da manhã e, na avaliação da Polícia Rodoviária Federal (PRF), deve melhorar somente à noite. No Sistema Anchieta-Imigrantes, o fluxo era intenso, contudo não havia pontos de parada. O sistema funcionava no esquema 7 por 3, da Operação Descida - as duas pistas da Anchieta e a sul da Imigrantes davam acesso à Baixada Santista e a norte da Imigrantes operava no sentido capital. Segundo a Ecovias, ao longo do dia, houve 15 acidentes, todos sem gravidade. De zero hora de sexta-feira, 1º, às 17 horas deste sábado, 2, 250 mil veículos atravessaram o sistema rumo ao litoral, sendo 7.800 deles na última hora.  Na Anhangüera e na Bandeirantes, o movimento era normal. Entre zero hora de sexta, 1º, e 13 horas deste sábado, 2, 138 mil veículos usaram as duas vias para ir ao interior e 102 mil trafegaram no sentido contrário, da capital. No período, ocorreram 20 acidentes, com feridos. A Castelo Branco e a Raposo Tavares tiveram o tráfego de 116 mil veículos no sentido interior, com 13 acidentes e 4 feridos, entre sexta, 1º, e 17 horas deste sábado, 2.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.