Redução de vazão já afetaria abastecimento de 41 cidades

Medida adotada pelo governo paulista prejudica o abastecimento de água em 15 cidades de São Paulo e 26 no Rio de Janeiro

Irany Tereza, O Estado de S. Paulo

12 Agosto 2014 | 21h17

BRASÍLIA - A decisão da Cesp de reduzir a vazão de água no reservatório de Jaguari já afeta o abastecimento de 41 cidades, 15 em São Paulo e 26 no Rio, segundo revelou ao Broadcast Político, serviço online do Estado, uma fonte com acesso aos dados do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS).

De acordo com o levantamento, que está sendo encaminhado à Agência Nacional de Águas (ANA), entre os municípios afetados está Pindamonhangaba, cidade natal do governador Geraldo Alckmin. Também constam da lista São José dos Campos, Caçapava, Taubaté, Tremembé, Potim, Aparecida, Guaratinguetá, Lorena, Canas, Cachoeira Paulista, Cruzeiro, Lavrinhas e Queluz. No Rio, a crise atinge Resende, Porto Real, Quatis, Barra Mansa, Volta Redonda, Pinheiral, Barra do Piraí, Vassouras, Paraíba do Sul, Três Rios, Sapucaia, Itaocara, Aperibé, São Fidélis, São João da Barra, Cambuci, Campos, Belford Roxo, Duque de Caxias, Japeri, Nilópolis, São João de Meriti, Nova Iguaçu, Queimados, Rio e Mesquita.

Mais conteúdo sobre:
Crise da água Sabesp

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.