Reconhecidos 17 PMs de grupo de extermínio

BAIXADA SANTISTA

, O Estado de S.Paulo

08 de junho de 2010 | 00h00

Testemunhas ouvidas pela Corregedoria da PM e pela Polícia Civil reconheceram a participação de 17 PMs na série de crimes ocorrida em abril na Baixada Santista. De quarta-feira até sábado, 18 policiais militares acusados de integrar o grupo de extermínio "Ninjas da PM" foram detidos. Um tenente do Guarujá foi liberado porque as testemunhas não o reconheceram. A quadrilha começou a ser desmantelada na semana passada, com a prisão de três civis que delataram o grupo. Foram 22 vítimas desde 18 de abril.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.