Recém-nascida é encontrada em sacola plástica na zona leste de SP

Estudante passeava com o seu cão quando o animal foi atraído pela sacola e começou a cheirá-la; a bebê foi hospitalizada e passa bem

Ricardo Valota, do estadão.com.br,

07 Julho 2011 | 02h12

SÃO PAULO - Um bebê recém-nascido foi encontrado por volta das 19h30 de quarta-feira, 6, dentro de uma sacola plástica de supermercado, ao pé de uma árvore, junto à Rua Décio Abramo, na Mooca, zona leste de São Paulo.

 

Uma estudante de Pedagogia passeava com o seu cão quando o animal foi atraído pela sacola e começou a cheirá-la. A jovem pegou a criança, que estava sem o cordão umbilical, deu banho na bebê, enrolou em um cobertor e acionou a PM.

 

Policiais Militares da 5ª Companhia de 21º Batalhão encaminharam a recém-nascida para o Hospital Cândido Fontoura. A bebê passa bem. O caso foi registrado no 57º Distrito Policial, do Parque da Mooca, como abandono de incapaz. A criança será encaminhada para o Conselho Tutelar.

A mãe, que ainda não foi localizada pela polícia, além de responder judicialmente pelo crime, poderá perder a guarda da filha.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.