Divulgação
Divulgação

Receita apreende R$ 1,5 milhão em diamantes e joias em Cumbica

Passageiro, que é brasileiro, escondia os objetos junto ao corpo quando foi abordado no aeroporto internacional de São Paulo

O Estado de S. Paulo

11 de março de 2015 | 18h41

SÃO PAULO - A Receita Federal apreendeu pedras de diamante e joias estimados em U$ 500 mil - equivalente a R$ 1,5 milhão - em operação na manhã desta quarta-feira, 11, no Aeroporto de Cumbica, em Guarulhos, na Grande São Paulo.

Entre as peças estava um anel que exibia uma etiqueta de U$ 42.240. A primeira avaliação realizada no aeroporto é que as pedras são de "altíssima qualidade". O material agora será submetido à perícia especializada.

O passageiro, brasileiro, havia escondido as joias junto ao corpo. Ele estava em um voo proveniente dos Estados Unidos.

Tráfico. Na terça-feira, a Polícia Federal prendeu um sul-coreano tentando embarcar para o exterior com droga em sua bagagem de mão. Essa foi a décima prisão ocorrida somente nesta semana por tráfico de drogas em Cumbica.

O Aeroporto de Cumbica é o mais movimentado da América Latina. Somente em 2014, 40 milhões de passageiros passaram pelos terminais.

Mais conteúdo sobre:
Aeroporto de CumbicaGuarulhos

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.